Os agricultores pedem ajuda urgente ao Governo. A seca, a pandemia e agora a guerra deixaram o setor à beira do colapso. Num protesto no Fundão, lembraram que os fertilizantes que custavam 390 euros a tonelada custam agora 900 e que os pesticidas passaram de 60 para 200 euros.



Source link

By Author

Leave a Reply

Your email address will not be published.