Programa de apoio a territórios culturalmente desfavorecidos lançado até fim do ano



As candidaturas para este programa de financiamento “`Arte e Coesão`” vão “abrir até dezembro”, estando prevista uma dotação de um milhão de euros, disse o diretor-geral das Artes, Américo Rodrigues, à agência Lusa.

US Remote Software Jobs


Com este programa, a DGArtes, “visa chegar aos territórios que menos oferta e criação cultural têm no país, ou seja, territórios de baixo índice cultural, que não têm companhias de teatro ou de dança ou de música, nem profissionais, nem amadores”, para promover a coesão territorial.


“Queremos apoiar projetos que decorram nesses sítios mais ignorados pela dinâmica cultural”, sublinhou, acrescentando que “é a primeira vez” que vai haver apoio às artes para territórios desfavorecidos.


O programa, para o qual vai ser pedido o envolvimento do Ministério da Coesão Territorial, foi anunciado pelo diretor-geral das Artes na sessão de encerramento do primeiro encontro da Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses (RTCP), que decorreu hoje, em Torres Vedras, no distrito de Lisboa.


Américo Rodrigues afirmou que a RTCP “não pode ser apenas a soma de projetos”, mas tem de ter “como prioridade diária o trabalho de parceria”, aproximando criadores e agentes culturais.


Composta por 81 equipamentos associados e apoiando 39 projetos artísticos, a RTCP, para o diretor-geral, deverá crescer, integrando “programação de outros territórios” e “representar a diversidade” para “chegar a todos os públicos”.


“O país ainda é muito desigual e urge ultrapassar essa desigualdade”, justificou.


A RTCP foi criada para combater as assimetrias regionais e para fomentar a “coesão territorial no acesso à cultura e às artes em Portugal”, e assenta “na descentralização e na responsabilidade partilhada do Estado central com as autarquias e as entidades independentes”, lê-se na página da DGArtes.


Cerca de 80 equipamentos culturais aderiram já à RTCP, entre auditórios municipais, casas de cultura, teatros e cineteatros, centros culturais e centros de artes.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.