Quatro lusos nomeados para a Bola de Ouro na ausência do recordista Lionel Messi


No lote estão ainda o colombiano Luis Díaz e o uruguaio Darwin Núñez, que jogaram no campeão nacional FC Porto e no Benfica em 2021/22, respetivamente, mas não Lionel Messi, atual detentor e recordista do prémio, que soma a primeira ausência desde 2005.

Depois de ter culminado a época de estreia pelo campeão francês Paris Saint-Germain com 11 golos e 15 assistências em 34 jogos, o argentino, de 35 anos, falha uma 14.ª presença no pódio e o oitavo êxito, após 2009, 2010, 2011, 2012, 2015, 2019 e 2021.

US Remote Software Jobs

Já Cristiano Ronaldo, que contou 24 tentos e três passes para golo em 38 partidas na temporada de regresso ao Manchester United, mas não logrou qualquer título coletivo, pode juntar um 13.º pódio à reedição das vitórias em 2008, 2013, 2014, 2016 e 2017.

Sexto classificado em 2021, ano em que ficou afastado do pódio pela primeira vez desde 2010, ‘CR7’, de 37 anos, elevou para 18 presenças seguidas o recorde de entradas nos finalistas da Bola de Ouro, que foi entregue sob a chancela da FIFA entre 2010 e 2015.

Além do avançado e ‘capitão’ da seleção nacional, foram também nomeados pela France Football o defesa João Cancelo e o médio Bernardo Silva, duas das principais figuras do rival citadino Manchester City na reconquista do título de campeão inglês em 2021/22.

O quarteto de portugueses eleitos pela revista gaulesa engloba ainda o dianteiro Rafael Leão, que foi considerado o melhor jogador da última edição da Série A, na qual fez 11 golos e 10 assistências, ajudando o Milan a sagrar-se campeão italiano 11 anos depois.

Entre os 30 nomeados do conceituado galardão, que foram divulgados ao final da tarde nas redes sociais da France Football, estão cinco campeões europeus pelo Real Madrid, tais como Casemiro, Karim Benzema, Luka Modric, Thibaut Courtois e Vinícius Júnior.

Robert Lewandowski, recentemente transferido para o FC Barcelona, sobressai na lista como melhor marcador dos campeonatos nacionais do ‘Velho Continente’ em 2021/22, com 35 golos em 34 rondas da ‘Bundesliga’ pelo decacampeão alemão Bayern Munique.

O sucessor de Lionel Messi vai ser conhecido na cerimónia da entrega da 66.ª Bola de Ouro, agendada para 17 de outubro, através da adoção de novos critérios de avaliação, que vão ineditamente passar a ter em conta a temporada desportiva em vez do ano civil.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.