Ainda na categoria do Cinema Fantástico, “Barbarians”, de Charles Dorfman (Reino Unido) foi o filme vencedor do Prémio Especial do Júri, e o filme “The Exorcism of God”, do realizador Alejandro Hidalgo (USA/Mex/Venezuela), foi galardoado com o Prémio Melhor Realização.


Lázlo Attila Horváth, no filme “Soulpark” (Hungria), e Dani Barker, no filme Follow Her, foram eleitos o melhor ator e atriz, respetivamente, na categoria Melhor Filme Fantasporto 2022, enquanto Patrick Brunken , Rick Ostermann, Dirk Kurbjuweit, com o filme “The House” (Alemanha), venceram o Melhor Argumento.


Na categoria Cinema Português, o premio para o Melhor Filme Português foi para “Misericórdia”, do realizador Gonçalo Loureiro.


“Dilúvio”, de Eduardo Cruz, e “Fruta Tocada por Falta de Jardineiro”, de Pedro Senna Nunes, receberam menções especiais na categoria do Prémio Cinema Português.


“Jacinto”, do realizador espanhol Javi Camino venceu hoje o Prémio Melhor Filme Semana dos Realizadores 2022, na categoria Semana dos Realizadores Prémio Manoel de Oliveira.




Source link

By Author

Leave a Reply

Your email address will not be published.