A investigação agora divulgada reforça a ideia de que o contacto direto com a pele é a principal via de transmissão do vírus causador da doença.