Dois novos fogos preocupantes em Sintra e Salvaterra de Magos



Segundo a mesma fonte, pelas 16:30, um incêndio com duas frentes na zona de Dona Maria, em Belas, no concelho de Sintra, distrito de Lisboa, continuava a mobilizar meios.


“São duas frentes bastante ativas. Continuam-se a aguardar a chegada de mais meios de reforço. Havia a possibilidade de uma das frentes se dirigir para uma zona urbana, mas estão-se a fazer defesas perimétricas e não há, para já, habitações propriamente em contacto direto com o incêndio ou em perigo”, disse.


Às 17.00 estavam a combater este incêndio 176 operacionais, ajudados por 52 veículos e um meio aéreo.


Em Santarém, desde o alerta às 12:48, ardia mato em Glória do Ribatejo, Salvaterra de Magos.


“É um incêndio que arrancou muito violentamente com projeções, derivado ao forte vento que se faz sentir. Houve algumas habitações em perigo, mas que não chegaram a estar realmente em contacto com a frente de incêndio”, salientou.


No local estavam 138 operacionais no combate, ajudados por 44 meios terrestres e um meio aéreo cerca das 17:00, segundo a página da Proteção Civil.


Segundo a mesma fonte, pelas 16:30, o incêndio que lavra desde quinta-feira em Cumeada, Ourém, também no distrito de Santarém, “considera-se ativo mas está controlado”.


“Os trabalhos estão a evoluir favoravelmente”, com muitos pontos quentes devido à grande área ardida e à dimensão que o incêndio atingiu, “mas maioritariamente estão a ser efetuados trabalhos de consolidação”, disse, salientando que estão no local 688 operacionais com 222 veículos e cinco meios aéreos.


Dois destes meios aéreos são os dois aviões vindos hoje de Espanha, e que regressam ao país de origem ao anoitecer, disse.


Mantinha-se ativo o incêndio de Marzagão, em Carrazeda de Ansiães, Bragança, “apesar de todo o perímetro de incêndio estar controlado”.


“O foco de incêndio que se encontra ativo dentro do perímetro de Marzagão é uma bolsa de área não ardida no interior de área já ardida. Os meios estão posicionados e a maior parte do perímetro encontra-se em consolidação e rescaldo”, disse, salientando que o número de operacionais no terreno vai-se manter devido ao vento ativo.


Neste local estão 61 veículos, com 194 operacionais.


Em Vale da Pia, Pombal, no distrito de Leiria, neste momento todo o perímetro de incêndio encontra-se em consolidação e rescaldo, “apesar de se considerar o incêndio ainda em curso por haverem várias reativações pontuais, derivado, mais uma vez, ao forte vento e em locais de difícil acesso a meios terrestres, permitindo apenas o combate por elementos apeados”.


O dispositivo vai manter-se no local, com cerca de 460 operacionais, 143 veículos e o apoio de cinco meios aéreos.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.