Quatro distritos em alerta vermelho devido a risco de incêndio



A decisão foi anunciada domingo pelo ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, que admitiu que outros distritos poderão vir a ser abrangidos pelo alerta, consoante as condições meteorológicas.


US Remote Software Jobs


Ficou ainda agendada para a próxima quarta-feira uma nova reunião para reavaliar a situação.



A fiscalização e o patrulhamento vão entretanto ser reforçados não só por parte da GNR mas também das Forças Armadas, confirmou o MAI em declarações aos jornalistas no final de uma reunião com outros ministros do Governo para avaliar o risco de incêndio e a situação meteorológica para os próximos dias.


Cerca de 130 concelhos em “perigo máximo” de incêndio rural

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), há cerca de 130 concelhos de vários distritos do país em perigo máximo de incêndio rural já a partir desta segunda-feira.

São sobretudo concelhos nos distritos de Bragança, Vila Real, Braga, Viana do Castelo, Porto, Aveiro, Viseu, Guarda, Castelo Branco, Coimbra, Santarém e Portalegre e quatro municípios no distrito de Faro.

Praticamente todo o restante território está em perigo muito elevado ou elevado de incêndio rural, à exceção de alguns concelhos no litoral.

O perigo de incêndio, determinado pelo IPMA, tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo e os cálculos são obtidos a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

De acordo com as previsões do IPMA, os distritos de Bragança, Vila Real e Braga estão sob aviso vermelho por causa do calor até às 18h00, enquanto os distritos de Guarda e Castelo Branco estão até à mesma hora sob aviso laranja, o segundo mais elevado.

c/ Lusa



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.